Como contratar bons funcionários? 4 Dicas práticas para te ajudar

Por Criar.io

11/11/2018     Tempo de leitura: 2.5 min

Como contratar bons funcionários? 4 Dicas práticas para te ajudar

Um dos pontos cruciais no desenvolvimento de toda empresa é a contratação de funcionários. Seja a primeira ou a centésima contratação, o processo deve ser encarado com a mesma importância e dedicação.

Ao contratar funcionários a empresa tem custos burocráticos a cumprir, e ao demitir, também. Por isso, é de interesse da empresa contratar os melhores funcionários, a fim de evitar demissões e contratações repetidas vezes.

No post de hoje, você vai ver como contratar bons funcionários com 4 dicas práticas.

Como contratar bons funcionários?

1 – Chame atenção das pessoas

A primeira dica para contratar bons funcionários é fazer com que as pessoas queiram trabalhar na sua empresa. Como se faz isso? Colocando sua empresa em posição de destaque. Compartilhe com as pessoas o seu dia-a-dia, os benefícios, as rotinas, o quão bom é trabalhar em sua empresa.

Quanto mais atrativa você a tornar, mais bons profissionais estará atraindo. Canais onde isso pode ser feito incluem LinkedIn, Facebook, Instagram, YouTube, entre outros.

2 – Defina o perfil profissional para a vaga

Não adianta contratar um ótimo vendedor para fazer pão. O perfil da vaga deve ser o mais bem definido o possível, e todos os detalhes devem fazer parte das requisições. Determine a idade média, o grau de formação, conhecimentos específicos, nível de desenvoltura, experiência profissional, localidade onde mora, objetivos a curto e longo prazo, entre outros.

Quanto mais detalhado for o perfil da sua vaga, mais difícil será encontrar o profissional ideal, porém, mais assertiva será a contratação, o que vai evitar as demissões e contratações que geram custos.

3 – Estruture um processo seletivo

Depois de encontrar candidatos interessados chegou a hora de estruturar o processo seletivo. Você só conseguirá contratar bons funcionários se o seu processo seletivo for bem estruturado e tiver objetivos definidos.

Por exemplo, seu processo seletivo pode ter o objetivo de eleger o melhor candidato para tomar conta das vendas, ou então, de descartar os candidatos que não se enquadram na vaga de jeito nenhum, para que depois aconteça uma segunda fase.

4 – Analise o passado dos candidatos

No geral, para contratar bons funcionários, preste atenção em sua história profissional. Se o candidato já passou por muitas empresas em um curto período de tempo, ele provavelmente não é o mais indicado para a vaga, pois se trata de um candidato de alto risco de pedir demissão ou ser demitido.

Já quando o candidato esteve pelo menos durante 1 ano na última empresa, quer dizer que é mais estável, e o motivo para sua demissão pode ter sido compreensível. De uma forma ou de outra, certifique-se de analisar bem as qualidades do profissional, pois, às vezes, um funcionário que ficou apenas 3 meses na última empresa pode ser o profissional ideal para integrar a sua equipe.

Ao final, faça uma síntese de todas as informações e analise os prós e os contras de cada candidato. Contrate o candidato que tiver mais prós e menos contras, ou o que tiver os prós de maior peso e os contras de menor importância.

search
Criar e imprimir cartão de visita e flyer

Outros artigos que podem ser do seu interesse